Faça sua pesquisa:

Quando devo procurar um dermatologista?

+

As pessoas que têm uma preocupação com a ação do tempo sobre a saúde e a aparência costumam cuidar da pele com produtos de prevenção aos sinais da idade. No entanto, há situações em que os cremes estéticos podem não ser o melhor cuidado! É nessa hora que a consulta a um dermatologista é indispensável.

Além de ajudar no combate ao envelhecimento da pele, este profissional também está atento à ocorrência e prevenção de doenças na pele, mucosas, pelos, unhas e cabelos. Neste artigo, você vai saber mais sobre a atuação deste médico e em quais situações é preciso procurar um dermatologista. Continue a leitura.

O dermatologista cuida apenas da estética?

É muito comum pensar que o dermatologista é o médico que cuida apenas da estética. Isso é um engano! Apesar de ser vinculada à melhora da auto-estima, a atuação de um bom dermatologista trata dos problemas que deixam a pele ou os cabelos sem vida, ou com aspecto desagradável. *apaguei “estritamente”

Por meio de exames clínicos e de imagem, ele encontra as causas e trata as doenças dermatológicas, com atenção aos hábitos de prevenção contra a ocorrência de patologias na pele quanto para combater os danos causados por agentes externos, como o sol e a poluição.

O que um dermatologista pode tratar?

A área de atuação de um dermatologista é vasta. Isso porque ele é especialista no diagnóstico, tratamento e prevenção das doenças da pele, das mucosas, dos pelos, cabelos e unhas. 

Assim, apesar de estar fortemente ligado aos cuidados preventivos para manter a pele jovem e saudável por mais tempo, não é apenas para isso que se pode procurar um dermatologista. Entre os principais tratamentos conduzidos por essa especialidade, podemos destacar:

  • acne (espinhas);
  • dermatites;
  • alergias;
  • vitiligo;
  • psoríase;
  • hanseníase;
  • queda de cabelos;
  • câncer de pele;
  • afecções na boca, lábios, gengiva, língua;
  • doenças venéreas.

Qual o sinal de que é hora de fazer uma consulta?

Como já comentamos, o dermatologista é um dos profissionais mais solicitados para tratamentos preventivos, especialmente no que diz respeito à pele. No entanto, pode ser que você perceba sinais de alterações em alguma parte do seu corpo.

Neste caso, é fundamental fazer uma consulta com este especialista. Assim, para saber a hora de procurar um dermatologista, observe os seguintes aspectos:

Pintas e manchas que mudam de aparência

Se você tem pintas ou marcas de nascença, deve estar atento a estes pontos, que são chamados de nevos. Qualquer alteração no aspecto, tamanho ou sensibilidade dessas áreas, são sinais de alerta para o câncer de pele.

Vermelhidão, inchaço e formação de crostas na pele

A dermatite pode ter diversas causas e se manifestar de forma variada de acordo com a pessoa e o tipo de pele. Se uma irritação da pele evoluir para vermelhidão, coceira, inchaço, formação de placas ou descamação também pode ser um sintoma de outras doenças. Neste caso, a avaliação do dermatologista é imprescindível. 

Alterações nas unhas

As unhas são anexos da pele e, por isso, estão suscetíveis a doenças e lesões. Caso perceba enfraquecimento repentino, descolamento, mudança de cor ou formato das unhas das mãos ou dos pés, isso pode estar ligado tanto à carência nutricional quanto a patologias mais sérias como psoríase ou algum tumor.

Queda excessiva de cabelos

A perda de fios é comum em algumas épocas do ano. No entanto, o aumento significativo da queda de cabelos pode estar ligado à uma simples falta de nutrientes ou a infecções do couro cabeludo, passando por problemas emocionais. Em qualquer um desses casos, a avaliação do dermatologista é crucial para determinar o melhor tratamento.

Ocorrência de acne

O agravamento da quantidade, com piora no aspecto de cravos e espinhas, deve ser observado com atenção. Se surgirem sinais de infecção, formação de pústulas ou não resposta aos cuidados básicos, como limpeza ou uso de produtos dermocosméticos específicos, o ideal é buscar um tratamento mais incisivo para evitar lesões maiores na pele.

Uma rotina de cuidados e atenção com a pele é fundamental em qualquer fase da vida. Mais crucial ainda é ter em mente que cada pessoa é única e, portanto, precisa de um tratamento específico para as necessidades de sua pele. 

Se você pretende começar um tratamento preventivo contra os sinais do tempo ou percebeu algum sintoma que merece atenção, aproveite para agendar sua avaliação individual com um de nossos dermatologistas.

Publicado por:
Desde 1999, a Clinifemina conta com diversas especialidades para cuidar integralmente da saúde dos seus pacientes.
Share

Posts relacionados

+